» Tratamentos

Voltar

Peelings

Peeling é um processo de esfoliação da pele com ácidos específicos (peeling químico) e/ou aparelhos (peeling de cristal). Podem ser realizados no rosto, tórax, dorso das mãos e braços. São classificados em superficiais, médios ou profundos, de acordo com a profundidade da pele atingida.

Os peelings superficiais são utilizados para o tratamento de fotoenvelhecimento leve (envelhecimento causado pelo sol), manchas, cravos e acne ativa. Após 2 a 3 dias da aplicação, ocorre uma descamação superficial da região que geralmente cessa em 5 dias, uniformizando o tom da pele e melhorando a sua textura. Podem ser aplicados a cada 15 dias e o paciente não precisa se afastar de suas atividades. Podem ser aplicados durante todo o ano, desde que o paciente evite exposição solar.

Os peelings médios são utilizados em peles claras com envelhecimento moderado. A descamação é mais profunda que a anterior e o paciente deve se afastar de suas atividades por pelo menos 15 dias. Podem ser realizados anualmente, preferencialmente no inverno.

Já os peelings profundos são utilizados em casos de envelhecimento intenso da face. São realizados em ambiente hospitalar sob sedação. A descamação é intensa e a cicatrização da pele se prolonga por até 20 dias. O paciente deve trocar os curativos periodicamente e manter-se afastado de suas atividades por no mínimo 1 mês. Peelings profundos devem ser realizados em pessoas claras pelo risco de pigmentação da pele. Todos os tratamento de peelings são acompanhados pelo uso de cremes despigmentantes em casa e filtro solar. Atualmente, peelings mais agressivos deram espaço para os tratamentos modernos a laser, que apresentam menor tempo de recuperação e alto índice de satisfação.